EFEMadrid

O Conselho de Ministros espanhol concedeu esta terça-feira a Grande Cruz da Ordem Real de Mérito Desportivo ao antigo jogador de basquetebol Pau Gasol, recentemente retirado da prática desportiva, depois da proposta do ministro da Cultura e Desporto, Miquel Iceta.

Um dos motivos da concessão foi por Gasol se ter destacado de maneira mais que notável, excecionalmente e de forma reiterada na prática desportiva, por ter feito um trabalho extraordinário no mundo do desporto e da educação física e por prestigiar o nome e reputação de Espanha como embaixador no âmbito do desporto com uma trajetória de especial exemplaridade e reconhecimento internacional.

A porta-voz do Governo espanhol, Isabel Rodríguez, destacou os méritos de Gasol ao longo da sua carreira, na qual conquistou dois Mundial com o seu país, em 2006 e 2019; participou em cinco Jogos Olímpicos, ganhando a prata em Pequim 2008 e Londres 2012 e foi jogador na NBA durante 18 épocas, conquistando dois anéis de campeão ao serviço dos Los Angeles Lakers.

"Além desta extraordinária trajetória profissional e de levar a bandeira do nosso país por todo o mundo, é uma pessoa que também se caracterizou pela sua proximidade e pela amabilidade e sempre com envolvimento social", ressaltou.

O poste anunciou no passado dia 5 de outubro, aos seus 41 anos e depois de 21 épocas no ativo tanto em Espanha como na NBA, a sua retirada do basquetebol profissional.