EFEMadrid

O presidente da FIFA, Gianni Infantino, reiterou que "a saúde está em primeiro lugar", embora reconheça que "o futebol sem espectadores não seja o mesmo", e anunciou que está a ser finalizado um plano de ajuda financeira "a todas as partes do futebol", numa mensagem enviada às 211 federações membros.

A FIFA está a preparar-se para organizar uma série de debates telemáticos com todas as federações membro e outras partes interessadas, a fim de discutir e avaliar propostas que possam ajudar a "melhorar o futebol no futuro".

Infantino anunciou que um plano de ajuda financeira "para beneficiar todas as partes do futebol" está em fase final de preparação, com o objetivo de apresentá-lo na próxima reunião do Conselho da FIFA, e disse que as discussões em torno do calendário internacional de jogos estão mais perto de chegar a "uma solução equilibrada".