EFEBerlim

O alemão Mick Schumacher, filho do sete vezes campeão mundial da Fórmula 1 Michael Schumacher, foi anunciado esta quarta-feira como piloto principal da Haas para a próxima época na grande categoria do automobilismo.

"A ideia de estar no próximo ano no grid de saída da Fórmula 1 faz-me incrivelmente feliz. Estou, simplesmente, sem palavras", disse o jovem piloto de 21 anos em comunicado.

Líder do Campeonato de Fórmula 2, faltando duas provas para o final, Schumacher agradeceu aos pais e à Ferrari, já que integra a academia de talentos da escuderia italiana desde janeiro do ano passado.

"Sempre acreditaram que o meu sonho de competir na Fórmula 1 se tornaria realidade", escreveu o jovem.

No currículo do alemão está um título de campeão europeu de Fórmula 3, além de ter sido vice-campeão da Fórmula 4 alemã.

Schumacher será colega na Haas do russo Nikita Masepin, que também foi anunciado esta semana. Os dois disputaram a F2 esta época, com o alemão estando perto do título e o futuro colega em terceiro na classificação.

A nova dupla chega para substituir o francês Romain Grosjean e o dinamarquês Kevin Magnussen, que ocupam os cockpits da escuderia americana desde 2017.