EFELisboa

O Porto não vai deixar os argentinos Agustín Marchesín e Renzo Saravia jogar neste domingo, assim como os colombianos Mateus Uribe e Luis Díaz, por celebrarem até as 5 da manhã o aniversário da esposa dum deles, que os descobriu so publicar vídeos da celebração nas redes sociais.

Os quatro ficam de fora da convocatória para este dia, em que os "dragões" vão enfrentar o Boavista, por terem violado as regras do clube, que afirma que os jogadores podem estar a festejar até às 23.00 horas.