EFERedação Central

O Sevilha, o maior vencedor da história da Liga Europa, com cinco títulos, incluindo dois da precursora Taça Uefa, demonstrou mais uma vez esta terça-feira a sua força no segundo torneio de clubes mais importante do Velho Continente, ao vencer o Wolverhampton por 1-0 em Duisburg, na Alemanha, e classificar-se para as meias-finais, onde vai enfrentar o Manchester United.

O Sevilha teve ampla vantagem na posse de bola na Schauinsland-Reisen-Arena, com 73%, e chutou mais à baliza: 17 vezes, contra seis do 'Wolves'. A equipa inglesa, no entanto, teve a hipótese de fazer o 1-0 aos 12 minutos do primeiro tempo. Diego Carlos cometeu penálti em Adama Traoré, mas Bounou defendeu o remate de Jiménez.

O golo decisivo chegou no final do jogo, aos 88 minutos, quando Ocampos, de cabeça, colocou a bola no fundo da baliza defendida por Rui Patrício.

A equipa andaluza volta a campo na segunda-feira, em Düsseldorf, para enfrentar o United, que ontem venceu o Copenhaga no prolongamento.