EFESidney (Austrália)

A Austrália conseguiu esta semana deixar os contágios por coronavírus em zero em todo o seu território, abrindo a possibilidade de iniciar uma bolha de viagens com as ilhas do Pacífico, de acordo com informações de fontes oficiais esta quinta-feira.

"Hoje temos seis dias entre sete com nenhum caso (de covid-19) na Austrália", disse o ministro da Saúde australiano, Greg Hunt, à imprensa em Melbourne.

Esses resultados chegam depois do estado de Nova Gales do Sul, o mais populoso da Austrália, livre de infeções há quatro dias, ter ultrapassado um novo aumento detetado em meados de dezembro nas praias do norte de Sidney, forçando o confinamento de cerca de 250.000 habitantes por pelo menos duas semanas.

Por sua vez, o estado de Victoria, epicentro da segunda vaga de covid-19 que eclodiu no final de junho do ano passado e obrigou cerca de 5 milhões de habitantes da cidade de Melbourne passar pelo confinamento pela segunda vez entre julho e novembro, acumula 15 dias sem infeções após um contágio detetado em Sidney.

Da mesma forma, o estado de Queensland está livre de infeções há dez dias após o confinamento de três dias dos 2,8 milhões de habitantes de Brisbane, a terceira cidade mais populosa do país, como resultado de uma funcionária de um centro de quarentena ter sido infetada com uma nova estirpe altamente contagiosa.

A Austrália acumula cerca de 28.750 casos e 909 mortes por covid-19 desde o início da pandemia.