EFECaracas

O deputado opositor Richard Blanco, acusado pela Justiça venezuelana de estar envolvido na fracassada rebelião militar contra o Governo de Nicolás Maduro do passado 30 de abril, fugiu esta segunda-feira à Colômbia após quase 40 dias de refúgio na Embaixada da Argentina em Caracas.

"Ninguém me vai silenciar. Por isso decidi atravessar a fronteira à Colômbia e vou mais em frente para pedir que nos ajudem. Sozinhos não podemos e o meu compromisso é com a Venezuela", disse o legislador na sua conta do Twitter, na qual partilhou uma fotografia em que é visto a atravessar uma passagem fronteiriça ilegal no estado de Táchira.