EFEGenebra

O Escritório do alto comissário das Nações Unidas para os Direitos Humanos qualificou hoje de "racistas" os comentários do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sobre El Salvador e o Haiti, que disse que são "buracos de merda".

"Estes comentários do presidente dos Estados Unidos são surpreendentes e vergonhosos. Lamento, mas não podem ser definidos de outra maneira que como racistas", afirmou em conferência de imprensa o porta-voz do Escritório, Rupert Colville.