EFEGenebra

Os casos confirmados de COVID-19 no mundo ultrapassaram oficialmente os dez milhões, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), que baseia a sua contagem das vítimas da pandemia de coronavírus nas informações que recebe das autoridades sanitárias nacionais.

Em apenas cinco dias acumularam-se um milhão de novos casos, o que mostra até que ponto a curva de infeções continua a ascender, com os focos mais graves localizados na Índia, Estados Unidos e Brasil.

Na última semana romperam-se recordes consecutivos de casos diários, chegando-se a registar 191.000 casos em apenas um dia.

Vários focos infeciosos estão em rápida expansão e preocupam os responsáveis da OMS, como o que se regista agora na região do Mediterrâneo oriental, onde os casos ultrapassaram um milhão.

Esta região gera uma preocupação particular por ser palco de grandes conflitos armados, como os que afetam a Síria, Iémen e Líbia, levando as suas infraestruturas hospitalares e sistemas de saúde a sofrer enormes carências.