EFELondres

O próximo primeiro-ministro do Reino Unido, que será eleito em processo interno do Partido Conservador após a demissão de Theresa May a 7 de junho, será o décimo quarto chefe de governo sob o reinado de Isabel II.

A monarca, de 93 anos e 67 de reinado -o mais longevo na história do Reino Unido-, viu passar pelos escritórios de Downing Street 13 primeiros-ministros até ao momento, de Winston Churchill até Theresa May.

Anthony Eden, Harold Macmillan, Alex Douglas-Home, Harold Wilson, Edward Heath, James Callaghan, Margaret Thatcher, John Major, Tony Blair, Gordon Brown e David Cameron são os nomes que completam a lista de líderes aos quais Isabel II mandou formar governo.

O processo para escolher o novo líder irá começar dentro de duas semanas, quando May, que irá permanecer no cargo de forma interina até que o seu sucessor seja proclamado de forma oficial, deixará a liderança dos "tories" e a chefia do Governo.

O mandato de May foi o quinto mais curto desde 1900, com duração de dois anos e 315 dias, e ela foi a segunda mulher a ocupar a residência de número 10 de Downing Street após Margaret Thatcher, embora, como ela afirmou nesta sexta-feira na sua despedida, visivelmente emocionada, "certamente que não será a última".