EFEWashington

Os Estados Unidos anunciaram esta terça-feira a suspensão de algumas das suas sanções económicas contra a Venezuela, de forma a tentar reativar o diálogo entre a oposição e o Governo presidido por Nicolás Maduro.

Através desta suspensão, voltar-se-á a permitir que a petrolífera americana Chevron negocie com a estatal venezuelana PDVSA, por exemplo.

"Quero esclarecer que o governo (americano) está a fazer isso em resposta às conversas que estão a decorrer entre o regime e o governo interino (da Venezuela, liderado por Juan Guaidó)", afirmou um alto funcionário da Casa Branca, que pediu anonimato, durante uma videoconferência com a imprensa.