EFEMérida

O presidente do Governo espanhol, Pedro Sánchez, anunciou que no próximo Conselho de Ministros vai aprovar um decreto-lei através do qual serão destinados 100 milhões de euros adicionais para ajudar as famílias mais vulneráveis e empresas devido ao aumento do preço da luz, especialmente com a chegada do inverno.

Sánchez, num ato em Mérida, também anunciou que nesse Conselho será também aprovada a "primeira lei de Habitação da história da democracia" espanhola, que fará com que "um direito que está na Constituição se torne num verdadeiro direito".