EFEMérida

A Agência Extremenha de Cooperação Internacional para o Desenvolvimento (AEXCID) vai realizar nesta próxima quinta-feira um ato comemorativo por causa do Dia Mundial das Pessoas Refugiadas.

No Templo de Diana de Mérida, segundo informou a AEXCID em comunicado, o evento permitirá mostrar, através da música, a solidariedade do povo extremenho e da Junta da Extremadura para as pessoas que "foram desarraigadas dos seus lares devido a guerras ou perseguições".

A Extremadura é "uma terra onde todas as pessoas são bem-vindas, independentemente da sua religião, lugar de procedência, género ou identidade sexual", acrescentaram.

Para isso, diferentes artistas vão utilizar a música, as leituras e a mímica para transportar o público às vivências e deslocamentos das pessoas refugiadas.

Entre os participantes está Chojín, músico comprometido com a defesa dos direitos humanos, a luta contra a violência em todas as suas expressões e contra o racismo e a xenofobia.

O ato, com começo previsto para as 21h00, hora espanhola, será de entrada gratuita.