EFEMérida

O compositor, pianista, produtor e cantor israelita Idan Raichel, que "revolucionou" o último Festival da Eurovisão, vai ser a "estrela" internacional convidada em "Dionisio", o espetáculo de dança flamenca da companhia de Rafael Amargo que estará no palco do Teatro Romano de Mérida nos dias 16 e 17 de julho.

Segundo explicou a organização do Festival de Teatro Clássico de Mérida, esta parceria nasce do entendimento artístico entre ambos criadores, que se conheceram em Israel há alguns anos.

Os dois artistas coincidiram em Telavive quando Rafael Amargo estava com o seu espetáculo no Suzanne Dellal Theater.

"O Idan veio ver-me depois e eu senti que era alguém grande, com uma sensibilidade especial" explicou Amargo, relembrando que quando Raichel se sentou ao piano num bar, o dançarino de flamenco ficou "rendido frente a tanto talento", especifica o festival no seu comunicado.

Após a aparição de Idan Raichel na última edição da Eurovisão, Rafael Amargo ligou ao artista israelita para lhe dizer: "quero-te com este tema no 65º Festival Internacional de Teatro Clássico de Mérida", ao que Idan respondeu, "Amigo, lá estarei contigo".

O "contagioso" entusiasmo de Rafael Amargo pela participação de Idan Raichel no seu projeto multiplica o interesse "já enorme" pelas duas atuações de "Dionisio".