EFEMérida

A Secretaria de Meio Ambiente e Rural, Políticas Agrárias e Território da Extremadura vai realizar esta quinta-feira em Badajoz o primeiro simulacro de acidente radiológico transfronteiriço, no qual participarão de maneira coordenada os recursos espanhóis e portugueses em tempo real.

Trata-se de um acidente entre três veículos de transporte de mercadorias perigosas, Classe 8 e Classe 7, que afeta um quarto veículo, um turismo com quatro ocupantes, e um quinto veículo, de transporte público de passageiros com destino a Badajoz vindo de Lisboa, segundo informa o Governo extremenho em comunicado.

O objetivo deste simulacro é implantar o Plano Especial frente a Riscos Radiológicos (RADIOCAEX) e o Plano Especial de Transporte de Mercadorias Perigosas e Ferrovia (TRANSCAEX), a fim de estar preparados para dar a melhor resposta aos cidadãos perante uma eventual emergência.

O incidente simulado vai acontecer a partir das 10:00, hora espanhola, na rotunda de distribuição rodoviária da BA-20, antes da entrada na estrada A5 em sentido Madrid, frente ao centro comercial 'El Faro' e próximo ao estacionamento posterior da Feira de Badajoz.

O simulacro está organizado pela Direção de Emergências e Proteção Civil (112, Posto de Comando Avançado, Unidade de Proteção Civil e Academia de Segurança Pública da Extremadura) e a Direção Geral de Meio Ambiente (Radiologia Ambiental e Infoex).

Vão participar no simulacro cerca de 200 pessoas procedentes da Delegação do Governo espanhol, Unidade Militar de Emergências (UME), Agência Estatal de Meteorologia, Polícia Nacional, Guarda Civil, Proteção Civil e de Emergências do Ministério do Interior de Espanha, entre outros.

Por parte de Portugal participam a Agência Portuguesa de Ambiente, a Autoridade Nacional de Proteção Civil, bombeiros de Elvas, GNR (trânsito, NRBQ) e o Instituto Nacional de Emergências Médicas Português.