EFEPlasencia (Cáceres)

Os artistas visuais madrilenos Spok e Sabek e a londrina Helen Bur vão dar início a um projeto de arte urbana em Plasencia (Cáceres) cujo objetivo final é tornar a cidade num museu ao ar livre e revitalizar um dos seus históricos bairros.

Trata-se da segunda edição do "Invasion Street Art Festival", na qual os três artistas irão decorar com murais outras tantas fachadas no bairro placentino de Procasa, que data dos anos 60, entre os dias 18 e 22 de março.

O artista placentino Misterpiro -Andrés Sánchez Ocaña- é o promotor de uma ideia que começou no ano passado, na qual o próprio Misterpiro, acompanhado do também extremenho Breu, e do alicantino Antonyo Marest, realizaram três grandes murais de 18x6 metros no mencionado bairro.

Sánchez Ocaña, acompanhado pelo auatrca da cidade, Fernando Pizarro, apresentou hoje em conferência de imprensa a segunda edição deste festival, que "continua a ter como desafio tornar-se num evento anual que reúna grandes figuras internacionais da arte visual", apontou o artista.

Tanto Misterpiro como o autarca placentino ressaltaram a presença da artista britânica Helen Bur, com a qual o projeto tomou um cariz internacional, algo "muito favorável" para a promoção de Plasencia fora de Espanha.