EFEMérida

Um programa do Festival Internacional de Teatro Clássico de Mérida, em parceria com o Plano de Fomento da Leitura da Extremadura (PFLEX) da Editora Regional, vai promover o acesso dos clubes de leitura aos géneros literários menos solicitados pela sociedade, tais como o greco-latino.

Os mais de 370 clubes de leitura da região poderão solicitar, a partir do mês de outubro, leituras dramatizadas de alguns dos títulos que aparecem no catálogo de teatro, pertencente ao Plano de Leitura, explicou a organização do Festival em comunicado.

Além disso, informou que está previsto que, no mês de novembro, se inaugure a exposição Puro teatro.

Os clubes de leitura desempenham "uma função social muito importante", já que estão vinculados a outras atividades culturais que acontecem nas aldeias e cidades nos quais se encontram, lembrou a organização.

Assim, o Festival de Mérida vai oferecer aos membros de cada um destes clubes que solicite estas obras literárias um desconto de 25% em entradas para duas pessoas nas obras que correspondem aos textos teatrais representados.