EFEMérida

Investigadores do Centro Extremenho de Investigação, Inovação Tecnológica e Supercomputação (CénitS) e da Universidade da Extremadura (UEx) analisaram conjuntamente em artigo as vantagens de uma programação eficiente nos dispositivos que tornam a Internet das Coisas possível.

O artigo "Evaluation of Strategies for the Development of Efficient Code for Raspberry Pi Devices" foi publicado recentemente na revista de divulgação científica internacional Sensors, informou hoje a Junta da Extremadura em comunicado.

Nele é feita uma análise de um amplo conjunto de técnicas para o desenvolvimento de códigos de programação em dispositivos Raspberry Pi, aos quais se recorre habitualmente para ligar à Internet objetos de uso cotidiano como eletrodomésticos ou veículos, que automatizam assim os seus funcionamentos ou fazem-no o mais eficiente possível.

Segundo a CénitS, a Internet das Coisas (IoT ou Internet of Things) enfrenta desafios que requerem soluções relacionadas com paradigmas verdes e de eficiência energética.