EFEMérida

A Universidade da Extremadura vai desenvolver desde este sábado até a próxima sexta-feira o Campus Inclusivo, no qual 16 estudantes pre-universitários, nove deles com deficiência, irão conhecer de primeira mão a vida universitária para promover o seu acesso ao ensino superior.

A UEx foi adjudicatária do Programa "Campus Inclusivos. Campus sem Limites" iniciado pelo Ministério da Ciência, Inovação e Universidades, Fundação ONCE e Fundação REPSOL.

Os objetivos do campus são fomentar que estudantes com deficiência -provenientes de toda a Extremadura- não abandonem o ensino depois do secundário, e continuem com a sua formação, finalizando-a no âmbito universitário.

Também persegue-se sensibilizar o entorno universitário, neste caso da Universidade da Extremadura, sobre as necessidades dos estudantes com deficiência.

Isso com o objetivo de que a experiência do presente projeto sirva para promover no entorno universitário a adequação dos nossos sistemas, métodos e materiais educativos a tais estudantes com deficiência, facilitando assim o desenvolvimento do seu talento, criatividade e a plena aquisição de competências.