EFEBerlim

A Alemanha registou pelo segundo dia consecutivo mais de mil casos de contágio de coronavírus, de acordo com dados apresentados esta sexta-feira pelo Instituto Robert Koch (RKI), referência em epidemiologia no país.

O balanço oficial aponta para 1.147 resultados positivos em testes de diagnóstico. Ontem, pela primeira vez desde 7 de maio, o contágio tinha ido além da barreira dos quatro dígitos, com 1.045.

Segundo o RKI, até às 0h locais de hoje, existiam mais de 9.100 casos de infeção ativos.

O pico de contágio da Alemanha, até ao momento, foi registado no início de abril, com mais de 6.000 novos casos diários. Ao longo do período da pandemia foram já contabilizados 214.214 positivos.

O país registou mais oito mortes por COVID-19 nas últimas 24 horas, o que eleva o total para 9.183.

O índice de reprodução, de acordo com informe divulgado pelo RKI, está menos estável na comparação de períodos de quatro dias, que é utilizada para a verificação do instituto, subindo de 0,90 para 0,99. Em outro recorde, por semana, o salto foi de 0,96 para 1,06.