EFESeul

A banda sul-coreana BTS vai oferecer um concerto presencial em Seul no próximo março, segundo anunciou hoje o grupo através da sua conta no Twitter.

"Vemos-nos em Seul, março de 2022", diz a curta mensagem publicada na conta gerida pela editora do grupo, a Big Hit Music, acompanhada de uma foto recente dos seus integrantes RM, Jimin, V, Suga, Jin, J-Hope e Jungkook.

O anúncio chega um dia depois dos BTS terem dado o último dos quatro concertos organizados em Los Angeles dentro da sua digressão "Permission to Dance On Stage", as suas primeiras atuações com público desde finais de 2019.

Além disso, este evento em Seul, enquadrado na mesma digressão, será o primeiro que o grupo realiza com público no seu próprio país em mais de dois anos.

Os BTS tinham previsto apresentar em abril de 2020 em Seul o seu álbum "Map of the Soul: 7", lançado em fevereiro desse ano, na que devia ser a primeira paragem de uma ambiciosa digressão mundial, "Map of the Soul Tour", cancelada pela pandemia.

As quatro ansiadas atuações presenciais que a banda de K-pop mais global realizou em Los Angeles receberam cerca de 200.000 pessoas.

Porém, a viabilidade do concerto de Seul em março levanta por enquanto algumas dúvidas, já que a Coreia do Sul acaba de endurecer restrições sociais, já que o país tem registado recordes de contágios diários e casos graves de covid-19, além da deteção da nova variante Ómicron do vírus.