Pequim, 18 de Abr (EFE) - O enviado especial dos EUA para as alterações climáticas, John Kerry, e a sua homóloga chinesa, Xie Zhenhua, comprometeram-se em Xangai a "reforçar a implementação" do acordo contra a crise climática de Paris, informou hoje o Ministério do Ambiente chinês.

Numa declaração emitida após a visita de dois dias de Kerry a Xangai, os dois países concordaram em "reforçar as suas respectivas acções" contra as alterações climáticas e "cooperar em processos multilaterais" para combater a crise climática, que "deve ser abordada com a seriedade e urgência que exige".

Esses processos multilaterais incluem a Convenção das Nações Unidas sobre Alterações Climáticas e o Acordo de Paris, sobre os quais ambos os países destacaram na declaração conjunta a sua "contribuição histórica para o seu desenvolvimento, adopção, assinatura e entrada em vigor".