EFERoma

O navio humanitário Ocean Viking, operado pela Médicos Sem Fronteiras e pela SOS Méditerranée, resgatou esta sexta-feira 92 pessoas que estavam num barco a 48 quilómetros da costa da Líbia.

Através das redes sociais, as ONGs explicaram que a operação de resgate foi difícil e que havia várias mulheres no barco, algumas delas grávidas, além de crianças.

Além disso, os resgatados encontravam-se em estado de hipotermia e com tonturas, para além de se estarem num estado de fraqueza e cobertos pelo combustível do barco.

O Ocean Viking desembarcou na última terça-feira no porto de Pozzallo, na ilha da Sicília (Itália), 39 migrantes que tinha resgatado quatro dias antes.