EFESeul

O website de propaganda norte-coreana Arirang Meari publicou esta terça-feira um artigo no qual diz que a série sul-coreana da Netflix "Squid Game", que se tornou num êxito global, "revela a realidade da sociedade" do país vizinho.

"Diz-se que a razão de que a série de televisão 'Squid Game' está a ter sucesso entre os espectadores se deve a que demonstra a realidade capitalista e da Coreia do Sul", assegura o artigo.

Segundo o Arirang Meari, a série, que está a caminho de ser a mais vista até à data na Netflix, "mostra graficamente a situação de centenas de pessoas forçadas a viver uma vida infernal em que carrega dívidas inconcebíveis".

O artigo considera que esta série mostra uma "sociedade desigual em que as pessoas são tratadas como peças de xadrez" e afirma que "a corrupção e os sem-vergonhas imorais são algo comum" no país vizinho.

"Squid Game", escrita e realizada por Hwang Dong-hyeok, conta a história de Seong Gi-hun, um homem de Seul de meia idade endividado que decide participar numa macabra e misteriosa competição que promete um prémio milionário para o vencedor.

O Arirang Meari é conhecido por criticar diversos aspetos da sociedade sul-coreana, e no passado, por exemplo, acusou a sua indústria musical de "escravizar" os artistas para criar as estrelas do chamado K-Pop.