EFEBerlim

O suposto autor dos tiroteios na cidade de Hanau, na Alemanha, foi encontrado sem vida em casa junto a outro cadáver, o que aumenta para 11 o número total de mortos nesse ataque.

Fontes policiais informaram que, "com toda probabilidade", uma dessas pessoas mortas encontradas por forças especiais da polícia é o autor do ataque, ocorrido na noite passada, quando bares da cidade foram alvos de dois tiroteios.

De acordo com o Bild, o atirador é um homem de nacionalidade alemã, de extrema-direita e com licença para armas de caça. No automóvel do suspeito foram encontradas munições. O jornal identifica o autor como Tobias R. e diz que as forças de segurança encontraram uma carta escrita por ele e um vídeo relacionados ao ato.

Nove pessoas morreram e cinco ficaram gravemente feridas nos tiroteios consecutivos em dois bares de narguilé na noite de quarta-feira.

O primeiro ataque ocorreu no bar Midnight, no centro da cidade, onde as primeiras pessas morreram. De seguida houve um segundo tiroteio com vítimas num estabelecimento semelhante em Kesselstadt, outro bairro um pouco mais afastado. Os tiros foram disparados desde um automóvel, que fugiu do local logo depois.