EFEGenebra

A gigante farmacêutica suíça Novartis anunciou esta segunda-feira que os testes da fase 2 de um novo tratamento antiviral contra a covid-19 apresentaram resultados positivos e de ser "capaz de neutralizar todas as variantes" do coronavírus, entre as quais a Ómicron.

O tratamento, batizado como ensovibep, baseia-se na tecnologia DARPin, que usa engenharia genética para desenvolver proteínas especialmente desenhadas para neutralizar o vírus.

Os testes foram efetuados em pacientes com casos graves de covid-19, tratados em centros hospitalares mas sem necessidade de internamento, destacou a empresa de Basileia em comunicado.

Os pacientes conseguiram reduzir a carga viral do seu organismo em algo mais de uma semana, enquanto as hospitalizações, tratamentos de urgência e falecimentos reduziram-se em 78%.

Os testes clínicos contaram até agora com cerca de 400 pacientes, número que será ampliado a mais de 2.000 na terceira fase.