EFEKiev

O exército ucraniano diz que conseguiu afundar outro dos barcos que a Rússia tem no mar Negro, perto da chamada ilha das Serpentes, depois de um ataque da sua marinha.

Serhiy Bratchuk, porta-voz da Administração Militar Regional da cidade de Odessa, no mar Negro, anunciou ontem à noite no Telegram que o Vsevolod Bobrov, um navio de apoio russo, ficou danificado e em chamas depois de um ataque ucraniano, informou a agência local Ukrinform.

"Como resultado das ações da nossa marinha, o barco de apoio Vsevolod Bobrov, um dos mais novos da frota russa (de 2016), incendiou-se. Ao que parece, está a ir muito danificado para Sebastopol", na Rússia, disse Bratchuk.

Embora tenha reconhecido que a "informação ainda está por aclarar" por completo, o porta-voz reiterou que se confirmou que o navio "sofreu uma 'mordidela de serpente' na área da ilha da Serpente", uma referência irónica ao ataque sofrido pelo navio.

Segundo as autoridades ucranianas, nas últimas semanas, perto da ilha das Serpentes, as Forças Armadas de Ucrânia danificaram ou destruíram meia dúzia de navios de guerra e apoio que a Frota Russa mantém no Mar Negro, incluído o cruzeiro insígnia Moskva.