EFEBruxelas

A União Europeia (UE) vai ter disponível a partir do próximo 13 de dezembro as vacinas adaptadas para crianças desde os cinco anos, que já foram aprovadas pela Agência Europeia do Medicamento (EMA), anunciou esta terça-feira a presidente da Comissão Europeia (CE), Ursula von der Leyen.

"Tenho falado com a BionTech-Pfizer e há boas notícias. Podem acelerar e as vacinas para crianças estarão disponíveis a partir de 13 de dezembro", disse Von der Leyen em conferência de imprensa.

A Agência Europeia do Medicamento (EMA) apoiou na passada quinta-feira a extensão da atual licença europeia das farmacêuticas Pfizer e BioNTech para o uso da sua vacina contra a covid-19 em crianças entre 5 e 11 anos, embora com uma dose menor que a utilizada em maiores de 12 anos.

A injeção será dada em duas dose, com um intervalo de três semanas entre a primeira e a segunda, sublinha a agência em comunicado, no qual assinala que os benefícios de vacinar as crianças nessa faixa etária com a Pfizer são superiores aos riscos.