EFEParis

Um ensaio clínico europeu destinado a analisar quatro tratamentos experimentais contra a COVID-19 foi lançado no domingo, coordenado por França, com a intenção de completar os dados recolhidos pelo ensaio internacional da Organização Mundial da Saúde (OMS).

O Instituto Nacional de Saúde e Pesquisa Médica (INSERM) está liderando o projeto, chamado "Discovery", que deverá envolver 3.200 pacientes, dos quais pelo menos 800 serão franceses.

Os pacientes de Espanha, Alemanha, Reino Unido, Bélgica, Holanda, Luxemburgo e "talvez" outros países farão parte do grupo no qual os testes serão realizados, disse o INSERM no seu comunicado de imprensa.

O objetivo é testar a eficácia e a segurança de quatro estratégias terapêuticas experimentais que poderiam funcionar contra a COVID-19, à luz das informações científicas disponíveis no momento.