EFETeerão

O líder supremo iraniano, Ali Khamenei, culpou hoje os inimigos da República Islâmica do Irão de estarem por trás das manifestações, que deixaram pelo menos 20 mortos, e de quererem prejudicar o país.

"A hostilidade do inimigo é a existência do espírito de coragem, sacrifício e fé da nação", disse Khamenei, segundo o site oficial do líder supremo iraniano.