EFEGenebra (Suíça)

O mundo registou ao longo de ontem 348.351 notificações de novos casos de infeção de coronavírus, conforme indica esta segunda-feira a Organização Mundial de Saúde (OMS).

Com isso, é o quarto dia consecutivo em que se ultrapassa a barreira dos 340 mil, depois de no sábado ter sido alcançado o recorde de contágios desde o início da pandemia, com 380.833.

Dessa forma, o total de casos de infeção no planeta desde janeiro chegou a 37.423.60, segundo dados consolidados pela OMS.

Ao longo do domingo, além disso, foram notificadas 5.510 mortes pelo vírus, o que eleva a quantidade de óbitos em todo o planeta por causa da doença a 1.074.817.

A Europa, após cinco dias consecutivos de aumento nos contágios, registou hoje uma queda, com 101.479 casos. O continente, com isto, ultrapassou a marca de 7 milhões de infeções, enquanto o sudeste da Ásia tem 7,98 milhões, e as Américas 17,9 milhões.

Em mortes, o conjunto do continente americano é o mais devastado, com 590,9 mil, seguido pelo europeu, com 247,4 mil.

Ainda de acordo com o balanço de hoje da OMS, há mais de 8 milhões de casos ativos atualmente. Além disso, 68 mil pessoas estão em estado considerado grave ou crítico em hospitais à volta do mundo.