EFELisboa

O Parlamento português deu hoje luz verde à gestão da despenalização da lei de eutanásia depois de aprovar os cinco projetos de lei que foram apresentados para abrir um caminho inédito para o país.

Após quase três horas de debate, os deputados deram uma maioria de votos a favor às propostas do governante Partido Socialista, do marxista Bloco de Esquerda, do animalista PAN e do ambientalista PEV, assim como da Iniciativa Liberal.

Os projetos de lei passarão agora às comissões, onde serão estudadas em detalhe e poderão realizar-se mudanças nas mesmas antes de serem submetidos a uma nova e definitiva votação em plenário, previsivelmente dentro de várias semanas.

Os cinco textos são muito semelhantes: o candidato deve ser maior de idade, sem problemas mentais, e estar numa situação de sofrimento "duradouro e insuportável" com doença ou lesão incurável e fatal.