EFEWatford (Reino Unido)

O presidente do Governo espanhol em funções, Pedro Sánchez, disse esta quarta-feira que o acordo com o ERC para facilitar a investidura, "se for alcançado", estará dentro da lei e será público, "como não poderia ser de outra forma".

Numa conferência de imprensa depois da reunião dos líderes da Aliança Atlântica, Sánchez disse que as negociações com o partido republicano "estão a correr bem porque são discretas", o que, segundo ele, "é um princípio essencial para chegar a um bom porto".