EFELisboa

O Governo português ofereceu ajuda à Alemanha para tratar pacientes de coronavírus tendo em conta a situação da pandemia no país germânico, com o envio de médicos ou para receber pacientes alemães em hospitais lusos.

O Ministério dos Negócios Estrangeiros confirmou à Agência EFE que Portugal "manifestou a sua disponibilidade" para ajudar e que as autoridades alemãs estão a estudar o tipo de ajuda que poderão precisar por parte das Forças Armadas ou do Serviço Nacional de Saúde portugueses.

Segundo o Ministério, Portugal ofereceu-se tanto para acolher pacientes em unidades de cuidados intensivos como para enviar à Alemanha uma equipa de médicos e enfermeiros.

Portugal quer retribuir assim a ajuda prestada pela Alemanha no seu pior momento da pandemia, no passado janeiro, quando a covid-19 deixou os hospitais portugueses em colapso.

A Alemanha enviou então um contingente militar com 26 soldados sanitários especialistas em medicina intensiva, que trabalharam numa unidade de cuidados intensivos do Hospital da Luz de Lisboa.

Portugal, onde as taxas de vacinação ultrapassam 87% da população total, vive agora a sua quinta vaga da pandemia, que levou a um aumento dos contágios e da incidência neste outono.

Houve ainda um crescimento das mortes e hospitalizações, mas em níveis muito inferiores aos registados em vagas anteriores.