EFERoma

O primeiro-ministro de Itália, Giuseppe Conte, disse hoje que vai apresentar hoje a sua demissão ao presidente da República, Sergio Mattarella, após a crise de Governo que se abriu no país entre o antisistema Movimento Cinco Estrelas (M5S) e a Liga, de extrema-direita.

"A crise em curso prejudica a ação deste Governo que para aqui (...) Aproveito para comunicar que vou apresentar a minha demissão como chefe do Governo ao presidente da República", disse Conte no Senado, depois do líder da Liga, ministro do Interior italiano e vice-presidente do Executivo italiano, Matteo Salvini, ter apresentado uma moção de censura contra si.

Conte foi bastante duro contra Salvini nas suas declarações, acusando-o de oportunismo e de "irresponsabilidade institucional", ao ter desatado uma crise "que levou o país a uma espiral de incerteza política e financeira".