EFEBruxelas

Os dirigentes da União Europeia (UE) celebram esta segunda e terça-feira em Bruxelas uma cimeira extraordinária na qual irão abordar o estado das suas relações com a Rússia, o cumprimento dos acordos do Brexit e o conflito no Oriente Médio, assim como a pandemia da covid-19 e os seus objetivos de combate às mudanças climáticas.

À já variada agenda do encontro vai juntar-se a questão da migração, que irá ser levantada pelo primeiro-ministro italiano, Mario Draghi, após a crise vivida esta semana em Ceuta quando o Marrocos permitiu a entrada de mais de 8.000 imigrantes em território espanhol e num contexto de aumento nas chegadas às costas italianas.