EFELondres

A segunda fase de testes clínicos da vacina contra a covid-19 desenvolvida pela universidade inglesa de Oxford demonstra que é segura em pessoas da terceira idade saudáveis e provoca uma resposta imune, informa esta quinta-feira a revista médica "The Lancet".

Em colaboração com a farmacêutica AstraZeneca e outros organismos, os investigadores testaram a vacina, chamada ChAdOx1 nCoV-19, numa experiência com 560 adultos saudáveis, entre eles 240 com mais de 70 anos, com o objetivo de observar o seu impacto no sistema imunitário e possíveis efeitos secundários.

Os "promissores resultados preliminares" indicam que esta vacina contra o vírus SARS-CoV-2 oferece "semelhantes resultados de segurança e imunogenicidade em adultos saudáveis com mais idade que nos de entre 18 e 55 anos".

Segundo a "The Lancet", a Fase 2 permite concluir que a vacina provoca "poucos efeitos secundários" e "induz uma resposta imunitária em ambas partes do sistema imunitário em todos os grupos de idade tanto como uma dose baixa como uma padrão".