EFELisboa

Os chefes de Governo de Portugal e Espanha, António Costa e Pedro Sánchez, respetivamente, vão-se reunir esta segunda-feira em Lisboa para abordar a estratégia comum que irão manter na negociação do próximo Conselho Europeu no qual se vão definir os fundos de recuperação para a pandemia de COVID-19.

Portugal, Espanha e Itália mantiveram a mesma posição durante as negociações da resposta europeia à pandemia de COVID-19 e apostam num plano ambicioso para lidar com a crise, enquanto os Países Baixos integram o grupo dos mais céticos com a proposta da Comissão.

Após a cimeira dos chefes de Estado e de Governo da União Europeia, realizada a 19 de junho, na qual não houve acordo global, embora tenham sido feitos progressos, os líderes concordaram em retomar as negociações no Conselho Europeu que será realizado no dia 17 e 18 de julho em Bruxelas de forma presencial.

O objetivo será criar um fundo que permita a recuperação económica após a pandemia, onde cada Estado membro irá desenhar o seu próprio plano de recuperação.