EFELisboa

A empresa chinesa Huawei vai pôr em funcionamento em Lisboa a partir do próximo mês de setembro um centro de suporte e otimização de redes 4G e 5G que dará serviço a diferentes mercados europeus como os de Inglaterra ou Alemanha.

Tony Li, responsável da Huawei em Portugal, explicou hoje em Lisboa durante um encontro com a imprensa que o centro estará situado no Parque das Nações e contará com perto de trinta engenheiros.

Segundo Samuel Ferreira, responsável da área "wireless" da Huawei em Portugal, a futura infraestrutura é única ao nível europeu e a primeira da Huawei em território luso.

Sobre as acusações do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, à Huawei, temendo que a China usasse as redes 5G da empresa para espionagem, Tony Li argumentou que se tivessem algum problema de segurança, não teriam a confiança dos operadores, pelo que não sentiram nenhum impacto, concluiu.

Em Portugal, Huawei fechou 2018 com um volume de vendas de 235 milhões de euros, frente aos 180 de 2017, e ao nível mundial têm contrato com 50 operadoras de todo o mundo e 150.000 estações 5G.