EFELisboa

O ensaísta e filósofo português Eduardo Lourenço, um dos mais ilustres pensadores da cultura portuguesa, faleceu hoje aos 97 anos, confirmaram à EFE fontes da Presidência da República.

Nascido em 23 de maio de 1923 em São Pedro de Rio Seco, vila fronteiriça com La Alameda de Gardón (Espanha), Eduardo Lourenço Faria também fazia parte do Conselho de Estado do país.

Ao longo da sua carreira recebeu inúmeras distinções, entre as quais destacam o Prémio Camões (1996) e o Prémio Pessoa (2011), os mais importantes da língua portuguesa, e em 2011 foi candidato ao Prémio Príncipe das Astúrias das Ciências Sociais.