EFELisboa

Milhares de pessoas dos cinco continentes reuniram-se esta quinta-feira, apesar da pandemia de covid-19, na costa portuguesa da Nazaré para assistir os melhores surfistas do mundo a desafiarem as ondas gigantes.

Segundo explicaram à EFE fontes da Câmara da Nazaré, não se trata de um evento organizado, mas devido às condições meteorológicas, é um dos momentos do ano em que existem ondas gigantes nesta zona costeira atlântica, ideais para a prática de "surf extremo", pelo que há um total de 22 equipas da 22 equipas da América, África e Europa a treinar sobre as ondas.

As autoridades locais tentaram impor ordem para que o público usasse máscara mas, dada a elevada presença de fãs, reconheceram que é impossível cumprir a distância social de dois metros.