EFELisboa

Portugal colocou esta quarta-feira duas emissões de dívida por um total de 1.227 milhões de euros no prazo de seis e catorze anos, segundo informou a Agência de Gestão da Tesouraria e Dívida Pública de Portugal (IGCP).

O leilão a seis anos, 564 milhões de euros a juros de -0,057 %, teve uma procura de 1.369 milhões de euros, 2,43 vezes mais que a dívida colocada.

A segunda emissão, de 663 milhões a 14 anos com juros de 0,555%, conseguiu uma procura de 985 milhões, 1,49 vezes sobre o montante alocado.

No último leilão de dívida pública, que teve lugar a 13 de novembro de 2019, Portugal colocou 970 milhões de euros a dez anos a juros de 0,333%.