EFEBeirute

As autoridades libanesas anunciaram hoje a recuperação do quadro "Retrato da senhora James Reeves", provavelmente o original do pintor espanhol Salvador Dalí que tinha sido "roubado num país vizinho".

"Provavelmente é o original e vale milhões de dólares", disse o Escritório Internacional de Prevenção de Crimes da Polícia do Líbano em comunicado.

A polícia apreendeu a obra no último dia 13, após várias investigações que conduziram à detenção de quatro suspeitos, três sírios e um libanês, que supostamente tentavam vender a obra.

As forças de segurança acrescentaram no comunicado que o confisco da obra aconteceu "no marco da luta contra o roubo e tráfico de antiguidades".

O "Retrato da senhora James Reeves" foi pintado em 1954 e, segundo o site da Fundação Salvador Dalí, que não informa que tinha sido roubado, foi leiloado pela galeria Christie's, de Londres, em 10 de dezembro de 1997.

Num e-mail, a responsável de comunicação da Fundação Gala-Salvador Dalí, Imma Parada, declarou à Agência Efe que "deveria analisar-se a pintura fisicamente para saber se a recuperada pela polícia é exatamente a mesma que temos catalogada".

Além disso, detalhou que "a Fundação Dalí não tem informação sobre a sua situação atual desde que foi leiloada na Christie's em 10 de dezembro de 1997".