Madrid, 12 de Dez (EFE) - O pagamento da dívida ao Tesouro espanhol do Rei Emérito de Espanha, Juan Carlos I, suscitou o debate sobre o seu possível regresso ao país após uma estadia de quatro meses e meio nos Emirados Árabes Unidos, embora a Casa Real se mantenha em silêncio sobre o alegado desejo do antigo monarca de regressar no Natal.

Juan Carlos de Borbón manifestou a sua intenção de encerrar, pelo menos temporariamente, a sua estadia em Abu Dhabi através de amigos próximos, embora alguns deles tenham mostrado a sua relutância em fazer do Natal o momento certo devido às repercussões que a sua chegada a Espanha traria.

O Ministério Público do Supremo Tribunal espanhol está actualmente a conduzir três investigações sobre o pai de Filipe VI, o actual monarca espanhol, e vai examinar em pormenor o seu acordo com o Tesouro, estimado em 678.393 euros.